SINOPSE

O Beijo da Morte explica a mensagem do Evangelho de Judas e a importância de sua descoberta, colocando-o no contexto de outros textos e tradições gnósticos. Agora, pela primeira vez, a história de como esse texto veio a ser publicado e como isso influencia nossa visão das origens do Cristianismo é contada por completo. Por que a Igreja ataca o Evangelho de Judas com tanta veemência? A maior parte das descobertas literárias antigas é cuidadosamente estudada antes que se possa tirar conclusões definitivas, mas, no caso do Evangelho de Judas, parece que a Igreja entendeu seu conteúdo extraordinário desde o início... A fascinante exposição começa com a empolgante história de como o Evangelho foi descoberto no Egito em 1978, deixando um rastro de sua passagem pelas mãos de vários negociantes de antiguidades antes de permanecer em um cofre com uma identificação de 3 milhões de dólares por ano. Descreve, ainda, como o Evangelho veio a ser publicado - acompanhado por uma grande onda de publicidade e controvérsia. Tobias Churton apresenta o resultado de sua investigação sobre a verdadeira natureza do Judas histórico e mostra como ele foi difamado e mal representado ao longo dos séculos. Também lança uma nova luz sobre a verdadeira natureza de Jesus, além de apresentar uma ousada especulação sobre os empenhos que planejou com seus discípulos em Jerusalém, na Judeia e na Galileia.

 

Livro em bom estado para leitura, capa brochura, não contem grifos ou rasuras, bordas levemente sujas.

O Beijo da Morte - Tobias Churton - (cod:228 - M)

R$30,00
Atenção, última peça!
O Beijo da Morte - Tobias Churton - (cod:228 - M) R$30,00
Entregas para o CEP:

Meios de envio

SINOPSE

O Beijo da Morte explica a mensagem do Evangelho de Judas e a importância de sua descoberta, colocando-o no contexto de outros textos e tradições gnósticos. Agora, pela primeira vez, a história de como esse texto veio a ser publicado e como isso influencia nossa visão das origens do Cristianismo é contada por completo. Por que a Igreja ataca o Evangelho de Judas com tanta veemência? A maior parte das descobertas literárias antigas é cuidadosamente estudada antes que se possa tirar conclusões definitivas, mas, no caso do Evangelho de Judas, parece que a Igreja entendeu seu conteúdo extraordinário desde o início... A fascinante exposição começa com a empolgante história de como o Evangelho foi descoberto no Egito em 1978, deixando um rastro de sua passagem pelas mãos de vários negociantes de antiguidades antes de permanecer em um cofre com uma identificação de 3 milhões de dólares por ano. Descreve, ainda, como o Evangelho veio a ser publicado - acompanhado por uma grande onda de publicidade e controvérsia. Tobias Churton apresenta o resultado de sua investigação sobre a verdadeira natureza do Judas histórico e mostra como ele foi difamado e mal representado ao longo dos séculos. Também lança uma nova luz sobre a verdadeira natureza de Jesus, além de apresentar uma ousada especulação sobre os empenhos que planejou com seus discípulos em Jerusalém, na Judeia e na Galileia.

 

Livro em bom estado para leitura, capa brochura, não contem grifos ou rasuras, bordas levemente sujas.